18 de set de 2018

Primeira reunião do novo DCE com a Direção da URI Santiago

Na foto: Pedro, Jhonatas, Alessandra, professora Michele, eu e Vitor.

Primeira visita oficial do novo DCE - URI Santiago a Direção da URI Câmpus Santiago com a Diretora-Geral, professora Michele Noal Beltrão. Na ocasião recebemos os parabéns pela vitória nas eleições e também o apoio irrestrito para a construção de um novo Diretório Central dos Estudantes, que esteja lado a lado aos acadêmicos, com responsabilidade, diálogo e compromisso. Também apresentamos os projetos iniciais da nossa gestão e reafirmamos o compromisso de trabalharmos juntos pela nossa universidade!

16 de set de 2018

Vitória na disputa pelo DCE da URI Santiago

Parte do time da Integração

Compartilho com todos a nossa vitória na disputa pelo DCE da URI Santiago. Fui eleito presidente e quero usar a experiência que conquistei como líder de turma, presidente do Grêmio Estudantil Florisbela Machado de Andrade do Colégio Apolinário Porto Alegre e de duas vezes presidente do Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna da URI de Santiago para construir um novo DCE, com vez e voz pra todos.
Na última terça-feira (11/09) a chapa Integração foi a vitoriosa nas eleições pelo Diretório Central dos Estudantes Cléo Adriano Sabadi Bonotto da URI Santiago. Na ocasião cerca de 80% dos votos válidos dos acadêmicos optaram pela construção de um novo DCE, legitimando as propostas do time da Integração. Será um ano de muito trabalho e comprometimento dos alunos voluntários na construção de uma representação discente forte e ativa na universidade.

Confira os membros do novo DCE:

Presidente: Fernando Silveira de Oliveira (Direito)
Vice-Presidente: Maiara Correia (Farmácia)
Secretária Geral: Alessandra Fátima de Souza (Enfermagem)
Secretário de Organização: Anderson Merlugo (Agronomia)
1º Tesoureiro: Pedro Dalsasso Velasques (Administração)
2º Tesoureiro: Leonardo Lima Libeiro (Contábeis)
Coordenadoria de Assistência Estudantil, Ensino, Pesquisa e Extensão: Leonardo Souza Mendes (Computação) e Jhonatas Rodrigues Machado (Computação)
Coordenadoria de Comunicação: Herton Couceiro (Direito) e Amanda Turmina (Administração)
Coordenadoria de Formação Política e Movimentos Sociais: Yngridt Meyne (Psicologia) e Fernanda Ébani (Psicologia)
Coordenadoria de Cultura e Eventos: Vitor Vanti (Arquitetura) e Angélica Ciscato Nadalon (Arquitetura)
Coordenadoria de Esportes: Milena Dalenogare (Educação Física) e Daiéle Flores (Educação Física)
Coordenadoria de Direitos Humanos: Eduardo Prestes de Lima (Direito) e Jander Masteloto Borges (Pedagogia)

Coordenadoria de Saúde e Meio Ambiente: Vinícius Gomes Buenevides (Biologia)
Informações do DCE no Facebook em https://www.facebook.com/DCEURI/ e em seu novo site http://dce.urisantiago.br

19 de ago de 2018

Diretório Acadêmico de Direito se reúne com o PROCON para falar da aplicabilidade da Lei da Meia-Entrada para estudantes

Professora Fabiana Barcelos, professora e advogada Eveline Sudatti, coordenadora do PROCON Lívia Nascimento e o acadêmico Fernando Oliveira, presidente do Diretório.
O Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna representado pelo seu presidente, o acadêmico Fernando Oliveira, participou de uma reunião com a Dra. Lívia Nascimento Oliveira Martins, coordenadora do PROCON de Santiago, para tratar da aplicabilidade da Lei da Meia-Entrada para eventos promovidos por estabelecimentos públicos ou privados, de caráter cultural, lazer, entretenimento, esportivo, e também no ingresso para shows, casas noturnas, teatros e cinemas, etc. A Lei da Meia-Entrada é um benefício para estudantes, idosos, pessoas de 15 a 29 anos comprovadamente carentes e deficientes com seus acompanhantes. A iniciativa liderada pelo Diretório busca disseminar a informação de um direito garantido por lei federal. Participaram da reunião a profa. Fabiana Barcelos, coordenadora do curso de Direito e a profa. Eveline Sudatti Simões, advogada e representante da OAB Subseção Santiago/Jaguari, que apoiam o projeto.

14 de ago de 2018

Nova conquista do Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna da URI Santiago

Na foto: professor Rodrigo Pinto, acadêmico Matheus Peixoto, professora Michele Beltrão, presidente do Diretório Fernando Oliveira, professor Jorge Padilha, profesosra Nelcy Brum, acadêmica Franciele Amaral e os acadêmicos Cássios Machado e Henrique Viegas.

Após ter comprado uma máquina de água quente instalada no prédio 1 que beneficia inúmeros alunos, o Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna (DAD) buscou a construção de três novos bancos para o corredor do curso. Foi efetuada na última sexta-feira (10/08) a doação de R$ 750,00 para a Direção da URI Câmpus Santiago, recurso próprio do caixa do Diretório que será usado para custear a fabricação. O projeto foi desenvolvido pelo Escritório Modelo da universidade e ficará como modelo para novos bancos para o campus no futuro. Um projeto exclusivo para o curso de Direito.
O Diretório faz um agradecimento muito especial para a professora Nelcy Denti Brum, coordenadora do Escritório Modelo, ao professor Rodrigo Pinto, coordenador do curso de Arquitetura, ao Renato Pacheco, coordenador do Setor de Obras, ao professor Jorge Padilha, diretor administrativo, a professora Michele Noal Beltrão, diretora acadêmica e aos acadêmicos do Escritório Modelo, em especial ao Matheus Peixoto, responsável pelo desenho. De acordo com o presidente do DAD, o acadêmico Fernando Oliveira, serão bancos confortáveis, duradouros, de muita qualidade com designer moderno e sustentável. A iniciativa segue a linha de ações da gestão do Diretório Acadêmico de Direito que visa somar esforços na busca de melhorias para o campus, para os acadêmicos e para nossa comunidade.

25 de jul de 2018

1º Entrevero Santiaguense de Trova

Clique na imagem para ampliar.

Santiago vai sediar um grande encontro entre trovadores em alusão as tradições farroupilhas no 1º Entrevero Santiaguense de Trova. O evento que tem como objetivo incentivar e resgatar as trovas gauchescas, fortalecendo a cultura gaúcha por meio da poesia oral improvisada, acontecerá no CTG Rincão do Pica Pau no dia 19 de agosto. Maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (55) 9.9915-2147 com Sandro Mayer.

27 de jun de 2018

Exclusivo: Bolsonaro, se eleito, já escolheu seu Ministro da Agricultura


Apesar de toda discrição sobre possíveis nomes que devem compor o eventual governo de Jair Bolsonaro (PSL), o presidenciável parece já ter batido o martelo sobre o responsável pela pasta da Agricultura. Este blog (Blog de Fernando Oliveira) apurou em primeira mão com interlocutores diretos de Bolsonaro a escolha e divulga agora, com exclusividade. O nome do futuro Ministro da Agricultura será do empresário e produtor rural de São Paulo, Luiz Antônio Nabhan Garcia, presidente da União Democrática Ruralista (UDR). Apesar do notório aumento da aceitação de Bolsonaro pelos produtores rurais, nenhuma grande liderança ligada ao setor manifestou publicamente apoio ao deputado até agora. A exceção é justamente o presidente da UDR. Nabhan Garcia já foi candidato a deputado federal pelo PTB em 2006. Ele fez 11.791 votos. Por óbvio, não se elegeu.

24 de jun de 2018

Santiaguense Marcelo Brum da Voz do Campo será candidato a deputado federal

Coronel Elias do Diretório Estadual do PSL, Marcelo Brum e Carmen Flores, presidente estadual da legenda.

O santiaguense Marcelo Brum, comunicador do programa Voz do Campo, maior rede de rádios do agronegócio brasileiro que completa 10 anos de história, tendo percorrido o Brasil e o exterior pra falar sobre o setor produtivo, bateu o martelo sobre as eleições deste ano. Após inúmeros convites e muitas especulações, ele resolveu aceitar a missão e será candidato a deputado federal pelo PSL, partido do presidenciável Jair Bolsonaro. “A grande necessidade do agro em ter representantes na política foram os fatores determinantes de minha decisão” afirmou Marcelo ao ser questionado pelo Blog. O PSL no RS apoiará a candidatura do deputado Heinze (Progressistas) para Governador, juntamente com o PROS e com o DEM.

Diretório Acadêmico de Direito da URI fecha parceria com o COREDE Vale do Jaguari

(Na foto: Mateus Maroneze, Henrique Viegas, Fernando Oliveira, Heitor Leal, Valter Oliveira e Marcos Ribeiro)

Representando o Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna (DAD) da URI de Santiago, o presidente Fernando Oliveira, e demais alunos, estiveram na última segunda-feira (18/06) reunidos com o presidente do COREDE Vale do Jaguari, Heitor Leal. Na ocasião foi firmada a parceria para ajudar na divulgação da Consulta Popular 2018 – 2019, coletando votos dos acadêmicos de Direito. A principal ideia é auxiliar a aumentar o número de votantes com relação ao ano passado. De acordo com o presidente Fernando Oliveira “somar forças pelo desenvolvimento local e regional, visando o bem comum, é muito importante pra todos”.

8 de mai de 2018

Joaquim Barbosa desiste de candidatura ao Planalto


Cortejado por muitos, o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal parecia estar decidido em disputar à presidência da República quando assinou ficha de filiação ao PSB. Do partido ele tinha carta branca para ser candidato, contrariando a vontade de muitos caciques regionais que já estavam com as articulações de alianças locais bastante adiantadas.
A desistência foi informada pelo Twitter pessoal do ex-ministro. Pessoas próximas a ele alegam que o incômodo com a devassa que ocorreria em sua vida, a oposição do seu único filho que nunca aceitou o plano do pai de entrar na política e a correria de viagens que uma campanha de tal importância iria exigir, acabaria fazendo o ex-ministro deixar a boa vida privada que levava fora do foco da imprensa. Esses teriam sido os motivos determinantes para abandonar a disputa pelo Planalto.
O PSB ainda tentará fazer Barbosa mudar de posição e tem até o mês de agosto para conseguir isso. Caso contrário terá que abrir mão do sonho de candidatura própria e se aliar com um candidato de outro partido. Propostas para isso nunca faltaram para os socialistas, do PT ao PSDB.

24 de abr de 2018

Primeiro debate entre os pré-candidatos ao Governo do RS será em Santiago

Clique na imagem para ampliar.

O Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna estará promovendo a terceira edição do Fórum Acadêmico de Debates, que neste ano será palco do primeiro DEBATE ENTRE OS PRÉ-CANDIDATOS AO GOVERNO DO RS. O evento ocorre juntamente com o curso de Direito, URI Santiago, curso de Administração e jornal Diário de Santa Maria. O III Fórum Acadêmico de Debates que ocorrerá no dia 18 de maio, às 19h no Salão de Atos da URI Santiago, será gratuito e aberto à toda população.

7 de abr de 2018

Santiago será palco do primeiro debate entre os pré-candidatos ao governo do RS

(Foto: na direção do jornal Diário de Santa Maria com Ricardo Jobim, diretor jurídico, Miguel Garaialdi, professor do curso de Direito, Carlos Costa Beber, diretor comercial, Adriane Damian, coordenadora do curso de Direito e Fernando Oliveira, presidente do Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna.)

O Curso de Direito da URI de Santiago completará neste ano 20 anos de instalação, com muitas histórias e avanços em sua caminhada. Para comemorar este ano importante, estão sendo preparados inúmeros eventos. Entre eles será a realização do III Fórum Acadêmico de Debates, evento do Diretório Acadêmico, que juntamente com a Universidade, Coordenação dos cursos de Direito e Administração, fará um debate entre os pré-candidatos ao Governo do RS. O evento acontecerá em parceria com o jornal Diário de Santa Maria e terá a cobertura de inúmeros veículos de imprensa de todo o estado, como rádios, jornais, sites e emissoras de televisão.
O III Fórum Acadêmico de Debates será aberto a toda população local e regional. Diversas entidades classistas multisetoriais foram convidadas para enviar seus questionamentos aos futuros postulantes do Piratini. O evento ocorrerá no dia 18 de maio, às 19h no Salão de Atos da Universidade. Foram convidados Abigail Pereira (PCdoB), Eduardo Leite (PSDB), Jairo Jorge (PDT), José Ivo Sartori (PMDB), Luis Carlos Heinze (Progressista), Mateus Bandeira (NOVO), Miguel Rossetto (PT), Ranolfo Vieira (PTB) e Roberto Robaina (PSOL). Este será o primeiro debate entre os pré-candidatos na série eleições de 2018. Pela primeira vez o interior do RS sairá na frente da região metropolitana. Santiago será palco da discussão sobre o futuro do Rio Grande do Sul.


31 de mar de 2018

Artigo do dia: Chegou a tua vez, cidadão!

Fernando Silveira de Oliveira, editor do blog, acadêmico e presidente do Diretório Acadêmico de Direito Moysés Vianna, da URI de Santiago.

Estamos então em 2018, um ano decisivo para a nação, diante de tantos caminhos que devem ser apresentados, dando início a um novo ciclo, com mudanças abundantes no sistema social, econômico e político brasileiro. É sabido que o clamor da sociedade por uma reciclagem geral na política é estrondoso, impulsionando as mais diversas manifestações, colocando em discussão inclusive a própria efetividade do Estado Democrático de Direito, o pacto social e a própria consistência da representatividade.
A democracia foi a debate e a conscientização de sua importância é um dever de todos. Como já defendia o cientista político norte-americano, Robert Dahl, a democracia não é um estado absoluto. Encontramos inúmeros níveis de democracia, com menor ou maior participação popular nas decisões políticas e administrativas. Caminhamos dia após dia para o amadurecimento da inclusão cidadã na política brasileira, amadurecendo também a nossa própria democracia.
Esse clamor e toda rejeição que é encontrada com muita nitidez na internet, nas ruas, nas praças, nas universidades e nos mais diversos meios sociais, deve ser emplacada e alavancada no momento solene do eleitor: a hora do voto, e mais do que uma mera solenidade, é o grande dia para a escolha de um novo tempo. Além da participação, fiscalização e do acompanhamento da conjuntura política nacional, é preciso que o eleitor esteja atento a tudo e que aproveite essa oportunidade de escolher o caminho que o Brasil deve seguir. Caso contrário, teremos mais quatro anos de descaso e de irresponsabilidade.
Todo esse maremoto de críticas à política e aos políticos deve ser canalizado para a tão almejada mudança estrutural. O sistema apodrecido vai ser testado mais uma vez e fará de tudo para conseguir se manter no poder. A manipulação, o medo, a mentira e a ilusão serão as ferramentas do establishment para vencer a responsabilidade, a conscientização e a maturidade política dos brasileiros. De nada adiantará longos textos correndo as redes sociais se na hora do voto o eleitor optar pelos mesmos de sempre.
É chegada tua hora cidadão e a nação espera por ti. O futuro do Brasil está em tuas mãos. Os erros do passado poderão ser reparados. Precisamos entender o nosso papel como sociedade e passamos então a ser protagonistas das mudanças que tanto almejamos. O voto é a maior arma contra a corrupção, a irresponsabilidade e os desvios que dominam o mundo político brasileiro. Um voto consciente é luz para enfrentar toda escuridão daqueles que se acham donos de um país e de seu povo.